Convidados

5 curiosidades sobre o sono que você precisa saber!

  • 6 de janeiro de 2019
Curiosidades sobre o sono

O sono é um dos fenômenos mais incompreendidos do organismo. Apesar de muitas pesquisas, os cientistas ainda não conseguiram desvendar todos os mistérios que envolvem essa situação e compreender todos os seus distúrbios. No entanto, há várias descobertas e inúmeras curiosidades sobre o sono, que nos dão uma indicação do quão importante ele é.

Embora seja visto por muitos como uma grande perda de tempo, é inegável que há uma importância considerável no ato de dormir. Um bom exemplo disso foram as pesquisas conduzidas em cobaias animais, que foram privadas do sono por vários dias e simplesmente vieram a óbito espontaneamente. Com isso, podemos perceber que o nosso organismo ‘’desliga’’, caso nos privemos do sono.

Mas afinal, quais são essas curiosidades sobre o sono? Fizemos uma lista com algumas particularidades interessantes, para que você possa conhecer um pouco mais sobre a função e os objetivos de dormir bem todas as noites. Vamos lá?

1. O sono REM é o período mais importante da noite

O período do sono é dividido em quatro fases: leve, médio, profundo e fase REM (sigla em inglês para movimento rápido dos olhos), sendo essa última a mais importante de todas. Ela dura entre 10 e 60 minutos e é responsável por uma série de alterações importantes em nosso organismo.

Durante essa etapa, a atividade cerebral é bastante alta, muito semelhante àquela que vivenciamos enquanto acordados. Aqui ocorrem, por exemplo, os sonhos mais vívidos e que são lembrados após o despertar.

2. Dormir mal traz inúmeras consequências

Dormir bem é muito importante não só para acordarmos descansados e produtivos, mas para a manutenção de nossa saúde como um todo. Noites mal dormidas podem influenciar, por exemplo, no humor, na memória, no comportamento, na pressão arterial e até mesmo no sistema imunológico, tornando-o mais suscetível a contrair doenças.

Além disso, a falta de sono pode ser um sinal de que algo está errado em nosso organismo. A depressão, por exemplo, é uma doença cujo um dos principais sintomas é a insônia.

3. Nosso cérebro não descansa enquanto dormimos

Como mencionado anteriormente, nem sempre nosso cérebro está descansando durante o sono. No período REM, a atividade cerebral é muito alta e é durante essa etapa que acontecem os sonhos mais relevantes.

Ainda não se sabe muito bem o que são os sonhos ou qual é o significado deles, mas já se supõe que eles sejam uma espécie de organização de memórias. Além disso, durante o sonho, também é possível ter ótimas ideias e se lembrar de fatos há muito esquecidos.

4. É durante o sono que fixamos o aprendizado e reorganizamos a memória

Outra interessante curiosidade sobre o sono é que durante esse período que o nosso aprendizado é fixado e as memórias organizadas. De certo modo, é possível afirmar que aprendemos dormindo.

O processo funciona mais ou menos assim: durante o sono, as memórias consideradas ‘’irrelevantes’’, ou seja, aquelas que não são mais utilizadas e estimuladas no dia a dia, são apagadas para que as novas (aquilo que aprendemos durante o dia) sejam armazenadas em pequenas ‘’pastas’’ em nosso cérebro.

5. Cada pessoa tem uma necessidade de sono diferente

É muito comum escutarmos que uma pessoa deve dormir 8 horas por dia para acordar bem-disposta e pronta para enfrentar as tarefas cotidianas. No entanto, isso nem sempre é verdadeiro.

Pessoas diferentes têm, no geral, necessidades distintas de sono, que podem variar de acordo com a faixa etária ou o metabolismo de cada um. É importante saber o que funciona melhor para você e pôr em prática para ter uma melhor qualidade de vida.

Gostou de conhecer algumas curiosidades sobre o sono? Como podemos ver, esse período está bem longe de ser uma perda de tempo, certo? Precisamos descansar para que nosso organismo funcione bem e estejamos repletos de energia e muito produtivos no dia seguinte. Por isso, nada de se privar de uma bela noite de sono!

Conhece alguém que dorme pouco e acha que não há nada de errado com isso? Então, compartilhe este artigo em suas redes sociais para que outras pessoas também conheçam essas curiosidades!

Sem Comentários