Dicas

Precisando aliviar a dor no pescoço? Descubra a melhor alternativa!

  • 29 de novembro de 2018
dor no pescoço

A dor no pescoço é um dos problemas mais comuns em nossa sociedade. Esse tipo de situação é responsável por causar um enorme desconforto nas pessoas, já que limita a movimentação e pode impactar negativamente na produtividade e na qualidade de vida dos indivíduos.

Por isso, conhecer as suas razões é fundamental. Apenas ao compreender exatamente o que causa esse tipo de problema é que conseguiremos entender como prevenir e tratar a sua ocorrência, levando uma vida mais saudável, com muito mais conforto e principalmente, sem dores.

Pensando nisso, criamos um artigo com dicas importantes sobre como lidar com essa dor tão comum e trouxemos explicações sobre as suas principais causas, para que você conheça a origem do problema e saiba como evitá-lo e mantê-lo longe do seu dia a dia. Vamos lá? Tenha uma boa leitura!

Promoção desconto 10%

Quais são as principais causas das dores no pescoço?

As dores localizadas no pescoço, também conhecidas como dores cervicais, são condições médicas extremamente comuns em nossa população. Elas podem ser originada tanto por traumas mecânicos, como pancadas ou lesões, quanto por doenças que afetam a região. Exemplos de condições comuns são a doença degenerativa do disco, a hérnia de disco e a compressão de nervos da área.

Além disso, esse tipo de incômodo pode advir de algumas infecções, como a infecção viral na garganta, que causa alterações nos gânglios linfáticos e o consequente inchaço e dor na região. Outras razões comuns são a infecção da coluna vertebral e a meningite, que é por muitas vezes acompanhada de rigidez no pescoço.

No entanto, a causa mais frequente para esse tipo de desconforto é a má postura, que atualmente atinge uma grande parcela da sociedade. Hábitos nocivos, como se sentar da maneira incorreta ou utilizar o smartphone por longos períodos de tempo, podem prejudicar a musculatura do pescoço, causando muitas dores.

Como podemos lidar com a dor no pescoço?

Como vimos, a dor no pescoço pode se originar de uma série de fatores. Felizmente, é possível lidar com essa situação de maneira simples, apenas com a mudança de alguns hábitos. Veja mais a seguir.

Fique ligado na altura do travesseiro

altura do travesseiro está diretamente ligada aos problemas de dores na região do pescoço. A nossa cabeça não deve ficar muito elevada e nem muito para baixo, para que não aconteça a sobrecarga de nervos e músculos da área. Para isso, devemos manter a coluna cervical em um alinhamento mais neutro.

Felizmente, existem muitas opções de travesseiros, em alturas diferentes, para todo tipo de pessoas. Em vez de insistir na tentativa e erro, até encontrar a melhor opção, você pode falar com um especialista confiável para ajudá-lo nessa decisão.

Não escolha qualquer colchão

Assim como os travesseiros, os colchões têm uma grande importância na manutenção da saúde de nossa coluna cervical e, consequentemente, na prevenção das dores do pescoço.

Por isso, escolha um colchão que se adapte bem às suas necessidades, sempre focando na qualidade da marca escolhida. Pesquise bastante antes de realizar a compra e converse com os especialistas sobre o tema, para que eles auxiliem na escolha do melhor produto para o seu caso.

Foque na ergonomia no trabalho

Muitas pessoas trabalham em frente ao computador e passam longas horas em uma mesma posição. Por isso, sente-se confortavelmente em frente ao monitor e feche os olhos. Quando você abri-los, seu olhar deve estar diretamente no terço superior da tela do seu computador. Se não estiver, faça os ajustes devidos.

No entanto, nem sempre o ofício exige o uso de computadores, mas ainda assim pode ser necessário o esforço e a movimentação repetitiva. Nesses casos, tente sempre manter o seu pescoço alinhado de maneira neutra, para evitar a sobrecarga da coluna.

Preste muita atenção em sua postura no dia a dia

Além do trabalho, a nossa postura no dia a dia diz muito sobre as dores que sentimos em nosso pescoço. Um dos exemplos mais comuns é justamente o uso desenfreado do celular, que faz com que a musculatura e os ossos fiquem tensionados para baixo por longos períodos.

Com o tempo, o estresse nas articulações, ligamentos e discos no pescoço pode levar a alterações degenerativas na região. Dicas para evitar danos no pescoço causados pelo smartphone incluem levantar o celular para o nível dos olhos, fazendo com que as vértebras fiquem em uma posição mais neutra.

Pratique exercícios físicos

Outra dica muito bacana é realizar exercícios físicos com frequência, como os alongamentos, para evitar danos nessa região. Para isso, faça séries curtas de exercícios de fortalecimento e alongamento ao longo do dia.

Esse tipo de prática ajuda a fortalecer os músculos do pescoço, tornando-os mais resistentes e minimizando bastante as dores. Ela também vale para a região da coluna, que também sofre bastante com a má postura do dia a dia e pode trazer problemas para a região do pescoço.

Como pode ser feita a prevenção desse problema?

A prevenção das dores no pescoço pode ser feita com algumas medidas muito simples. A maioria delas inclui mudanças de hábitos básicos que, quando incorporados à rotina, trazem muito mais qualidade de vida aos envolvidos.

Esses hábitos incluem: a prática de exercícios físicos, o costume de realizar alongamentos (especialmente pela manhã e antes de dormir), as pausas regulares no horário de trabalho, o investimento em colchões e travesseiros de qualidade, entre outros.

Pequenas mudanças no cotidiano são extremamente eficazes para a prevenção desse tipo de problema, evitando tratamentos muito longos e garantindo a produtividade no dia a dia.

Como podemos ver, a dor no pescoço é bastante comum e pode ser causada por uma série de fatores. A maioria deles, no entanto, têm muito a ver com os nossos hábitos diários, que podem ser alterados em prol de uma melhoria na qualidade de vida. O que você está esperando? Comece ainda hoje a mudar esse cenário!

Gostou deste artigo? Então, que tal conferir os tipos de acessórios de descanso mais eficazes para garantir o conforto e a saúde de seu corpo? Boa leitura!

Colchões Americanflex

Sem Comentários

Responder