Decoração

Confira 5 dicas para escolher roupas de cama

  • 2 de outubro de 2017

Atualmente, não há nada mais agradável do que deitar em uma cama e relaxar depois de um longo dia de trabalho e afazeres domésticos, não é mesmo? Esse é um momento para equilibrar o seu corpo e a sua mente e se preparar para o dia seguinte. No entanto, para garantir uma noite de descanso tranquila, é importante saber escolher roupas de cama, sempre aliando a beleza com a qualidade e o conforto.

Por isso, vamos apresentar, no post de hoje, algumas dicas fundamentais para que você compre as melhores peças. Vale mencionar que, além de garantir uma noite de sono muito mais aconchegante, a decisão adequada pode proporcionar bem-estar, qualidade de vida e ainda incrementar a decoração do quarto. Está preparado? Então, vamos lá!

1. Escolha o tamanho adequado

Antes de tudo, é preciso saber qual é a altura do colchão, para garantir que as peças escolhidas fiquem certinhas. Em geral, os colchões comuns apresentam cerca de 18 cm de altura. Entretanto, quando são de molas, a altura pode variar de 26 cm até 46 cm.

Além disso, é preciso saber exatamente quais são as medidas da sua cama, assegurando que nada sobre ou falte ao colocar a roupa de cama. As principais medidas encontradas no mercado são:

  • cama de solteiro: com medidas de 0,88 m de largura por 1,88 m de comprimento, ideal para todas as pessoas relaxarem com comodidade e praticidade, seja para uma criança, um adolescente ou um adulto sozinho;
  • cama de viúva: considerada uma opção que fica entre a cama de solteiro e a cama de casal, com medidas de aproximadamente 1,00 m por 2,00 m, ideal para solteiros que gostam de um pouco mais de espaço;
  • cama de casal tradicional: com cerca de 1,38 m por 1,88 m, considerada uma das opções mais comuns em casas de família, em especial em quartos de casais que possuem um espaço menor;
  • cama queen size: promove mais conforto e possui cerca de 1,58 m de largura por 1,98 m de comprimento, ideal para casais mais espaçosos e que buscam comodidade;
  • por fim, a cama king size, considerada a cama dos reis, com medidas de aproximadamente 1,93 m por 2,03 m.

Vale mencionar que, ao escolher uma roupa de cama, você deve analisar os tamanhos descritos no produto e comprar aquele que cabe perfeitamente em seu colchão.

2. Analise a maciez das peças

Outro ponto importante é analisar a maciez do tecido. Sempre que possível, opte por roupas de cama que sejam mais confortáveis, mas que, ao mesmo tempo, tenham uma boa durabilidade.

Uma boa dica, para que você saiba quais são as melhores opções, é verificar os fios dos itens. Essa expressão tem relação com a quantidade de fios por polegada quadrada de tecido, ou seja, quanto mais fios, mais macia será a peça.

Roupas de cama de 100 fios, por exemplo, possuem 50 no urdume (fios longitudinais) e 50 na trama (fios horizontais). A lógica é a mesma para itens de 200 fios, 400 fios e assim por diante.

É recomendado que colchas e lençóis tenham, no mínimo, 150 fios, garantindo uma textura mais agradável. Apesar serem produtos com um preço mais elevado, lembre-se: mais fios significa mais conforto, frescor e maciez.

3. Conheça os tecidos

Hoje em dia, é possível encontrar roupas de cama, como lençóis, fronhas, colchas e edredons, nos mais variados tecidos. Por isso, é interessante conhecer quais são os principais tipos, para acertar na escolha e sair satisfeita. Confira:

  • algodão: confortável, natural, durável e versátil, pode proporcionar muita maciez, em especial tecidos 100% algodão e com 400 fios. É o material considerado como um dos mais queridos e dificilmente provoca reações alérgicas;
  • microfibra: bastante popular, consiste em um tecido sintético de poliéster. Por ter um leve toque macio, ser antialérgico e resistente, normalmente é utilizado em cobertores e edredons;
  • seda e cetim: considerados tecidos elegantes e ousados para roupas de cama, são visualmente muito bonitos e possuem uma textura agradável ao toque. Contudo, são peças que retêm o calor. Por isso, não são tecidos indicados para os períodos mais quentes do ano;
  • percal: caracterizada por ser um tecido com um custo mais acessível, a peça de percal pode ser pura ou mista, mas, em geral, é composta de 50% de poliéster e 50% de algodão. É uma opção fresca para os dias mais quentes e possui uma boa durabilidade e maciez.

4. Combine a roupa de cama com o seu estilo

Ao realizar a escolha, também é importante buscar referências do seu estilo individual para dar mais personalidade ao ambiente. Se, em sua casa, o estilo principal é mais clássico, por exemplo, invista em produtos elegantes e com tons mais neutros.

Para uma decoração mais romântica, é válido buscar estampas florais e cores em tons pastel. Já se o seu estilo for mais moderno, aproveite estampas diferenciadas e cores vibrantes.

colchão ideal para você

5. Harmonize as cores

E por falar em cores, é preciso harmonizá-las com o restante da decoração do ambiente. Isso significa que, quando você estiver escolhendo as peças, é interessante procurar aquelas que têm a mesma paleta de cores dos demais objetos do quarto — ou então em tons mais neutros —, tornando o espaço mais equilibrado.

Também é válido criar uma harmonia entre a parede e a cama. Por exemplo: se você possui um papel de parede muito estampado ou em cores mais intensas, prefira peças lisas e em tons mais claros. E o contrário também é válido — se a parede for lisa e em um tom padrão, é possível brincar mais com as cores e estampas nos demais itens, evidenciando a decoração do local.

Agora que você já viu as nossas 5 dicas fundamentais para escolher roupas de cama, não perca tempo e faça as melhores escolhas, garantindo uma noite de sono muito mais confortável e agradável. Lembre-se de que isso é fundamental para proporcionar um descanso adequado e, além disso, é uma maneira de deixar o seu quarto ainda mais bonito e bem decorado.

E para acertar ainda mais no conforto, veja tudo que você precisa saber antes de comprar um colchão.

Sem Comentários

Responder