Dicas

Entenda tudo sobre a nova certificação do inmetro para colchões de molas

  • 10 de novembro de 2017

Você já deve ter ouvido falar que para ter a certeza de que um produto comprado é de qualidade, essa mercadoria deve ter o selo do Inmetro, não é mesmo? Essa é a sigla para Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, um órgão responsável pela avaliação da conformidade de produtos e serviços.

Esse instituto também tem autoridade para estabelecer requisitos voluntários ou compulsórios para a fabricação e caracterização desses produtos. Os itens capazes de obedecer a todos os critérios estabelecidos recebem um selo que comprova a boa procedência.

Neste post, vamos falar especificamente sobre a nova certificação do Inmetro para colchões de molas. Confira!

Promoção desconto 10%

O que é a nova certificação?

A certificação compulsória para colchões de molas é um reconhecimento estabelecido com base na Portaria 52 do Inmetro, publicada em fevereiro de 2016. Esse documento oficial obriga os fabricantes de colchões a produzir e entregar somente produtos certificados a partir de agosto deste ano.

De acordo com essa nova realidade, todos os lojistas de colchões de mola deverão vender somente produtos certificados a partir do dia 1 de fevereiro de 2019.

Todos os novos colchões que passarem pelos testes do Inmetro receberão um novo selo de desempenho emitido pelo OCP (Organismo Certificador de Produto), responsável por certificar o fabricante e acompanhar todo o processo de fabricação dos colchões.

O que a etiqueta quer dizer?

Diversos fabricantes colocam poucas informações sobre as características do produto em nas etiquetas. No entanto, de acordo com as regras da nova certificação do Inmetro para colchões de molas, essa situação está prestes a mudar.

As características importantes da mercadoria — como a composição têxtil e detalhes da estrutura interna — deverão ser disponibilizadas para o consumidor. Assim, o cliente tem mais informações para escolher o colchão adequado para a satisfação de suas necessidades, avaliando a performance e o preço do produto.

Também é obrigatório constar na etiqueta — em português e de forma clara — as principais instruções sobre a manutenção e o uso do colchão de molas.

Qual é a importância da nova certificação?

A maior parte dos requisitos técnicos da nova certificação do Inmetro se baseia nas normas da ABNT — voltadas especificamente para esses produtos. Além de possuir o desempenho comprovado e as principais informações do produto expressas na etiqueta, todos os colchões dessa categoria devem acompanhar dados para rastrear o produto.

A primeira empresa a obedecer às novas normas no Brasil foi a Americanflex, que já disponibiliza seus produtos com segurança e credibilidade confirmadas pelo Inmetro, para sair na frente da concorrência e valorizar a durabilidade de seus colchões de mola.

A principal utilidade da nova certificação do Inmetro para colchões de molas é fornecer acesso às mercadorias que inspiram confiança, estimulando a competitividade saudável do mercado e promovendo relações de comércio seguras e justas para toda a sociedade.

Agora que você já sabe qual é a importância dessa regulamentação, o que mais você pretende valorizar na hora de comprar um colchão novo? A recomendação do seu ortopedista? A reputação da marca? O conforto do produto? Compartilhe sua opinião nos comentários.

Colchões Americanflex

1 Comentário

  • Sandra Lúcia Piske Finotto

    Comprei um colchão de molas da marca Probel em 27 de julho de 2018. Na etiqueta consta que foi confeccionado em 05.07.2018 e não possui o selo. Lendo esta matéria aqui, constatei que foi uma verdadeira desova de molas não certificadas pelo INMETRO. Hoje estou com um colchão novo, super bem conservado e com molas quebradas. Como acabou a garantia de 1 ano, estou me sentindo enganada.

    Reply

Responder