Dicas

Saiba quais são os malefícios de dormir demais

  • 17 de janeiro de 2019
dormir demais

Sabe aquela sensação de acordar exausto depois de dormir demais? É normal tentarmos repor as horas de sono perdidas durante a semana, mas os riscos de exagerar no descanso vão bem além da impressão de cansaço.

Muita gente não sabe, mas o ato de repousar muito pode causar problemas como diabetes, aumento de peso e até complicações das funções cerebrais. No fim das contas, o correto é dormir o número ideal de horas, sem exagerar para mais nem para menos. Neste artigo vamos esclarecer os fatores que podem levar ao excesso de sono, bem como seus malefícios e formas de solução. Continue a leitura e saiba mais sobre o assunto.

O que pode levar ao excesso de sono?

Todo mundo já perdeu a hora de levantar simplesmente porque estava muito cansado ou não havia dormido o suficiente nas últimas noites. Entretanto, se você sempre exagera na dose deve ficar atento, pois os motivos para o excesso de sono podem ser vários.

Algumas síndromes, por exemplo, causam esse efeito, como a síndrome da apneia e a das pernas inquietas. A primeira consiste em um distúrbio do sono em que a pessoa deixa de respirar por alguns segundos enquanto dorme, o que prejudica muito o descanso.

A segunda trata-se de uma disfunção que causa uma vontade incontrolável de mexer as pernas. Acontece que esses movimentos são involuntários e tendem a acontecer durante a noite, o que também atrapalha o descanso.

Há também uma série de medicamentos que têm como efeito colateral a sonolência excessiva. Os antialérgicos já são conhecidos por esse motivo e os benzodiazepínicos, como diazepam e clonazepam também não ficam atrás. Tem também os opioides, como a morfina e até os antiepiléticos como fenobarbital.

Outro grande mal que causa hipersonia é a depressão. Embora seja uma doença cada vez mais frequente, nem todo doente está diagnosticado, por isso é essencial ficar atento aos sintomas. Ela causa desânimo, angústia, cansaço, ansiedade e, em muitos casos, a pessoa depressiva passa mais tempo na cama para escapar desses sentimentos.

Quais são os malefícios de dormir demais?

Que sono é coisa séria todo mundo sabe, já que ele é o responsável por repor nossas energias e nos preparar para um novo dia. De cara, quando pensamos em problemas ao dormir, lembramos dos prejuízos de repousar de menos, mas repousar demais também traz malefícios.

Um deles é a piora das funções cerebrais, que faz com que o cérebro adquira características compatíveis com o envelhecimento. Dormir muito também aumenta os riscos de adquirir depressão e, além disso, pode reduzir as chances de as mulheres engravidarem. Os riscos não acabam por aqui: sabia que exagerar no sono pode causar diabetes? Mesmo com os índices de massa corporal em dia, abusar na dose provoca problemas de intolerância à glicose.

Se você é do tipo que trava uma guerra contra a balança, precisa saber que repousar demais provoca aumento de peso. Provavelmente você já deve ter ouvido que dormir emagrece, o que é verdade, mas essa regra só vale para quem descansa o número ideal de horas por dia. O desequilíbrio no sono, seja para mais ou para menos, engorda.

Além disso, você ainda pode adquirir complicações no coração. Especialistas afirmam que quem passa mais tempo na cama tem mais chances de ter angina e doença coronário-arterial. Se todos os prejuízos já citados são ruins o bastante, imagine saber que dormir muito ainda causa morte prematura. Uma pesquisa feita na Universidade de Sydney, na Austrália, mostrou que repousar por mais de nove horas por dia acelera a morte.

Como solucionar o problema?

A verdade é que dormir demais nem sempre é uma escolha. Como vimos, há uma série de fatores os quais levam à hipersonia, que pode ser considerada uma doença de verdade. Nesse sentido, é importante procurar soluções para o problema.

A primeira indicação é a mais importante de todas: procure orientação médica. Somente após um diagnóstico correto é possível traçar um plano de melhoria. Existem tratamentos para evitar a sonolência excessiva, medicação e até da terapia comportamental. No caso de depressão, por exemplo, a consulta com um psiquiatra e psicólogo também é fundamental.

Outra tática para descansar na medida certa é cuidar da alimentação, pois ingerir os nutrientes corretos no horário adequado confere a disposição que o corpo precisa e impede déficits de energia que tendem a ser supridos no sono. Quer uma dica? Não faça uma refeição muito perto de dormir, isso atrapalha a digestão e, consequentemente, a qualidade do repouso. Coma, pelo menos, com uma hora de antecedência.

Sabia que criar um ambiente apropriado para o descanso também é fundamental? Isso inclui: nada de TV ligada ao dormir e muito menos o uso do celular. A luz dos aparelhos causa estresse e até diminui a qualidade do repouso.

Além disso, faça da rotina uma aliada. Estabeleça um horário para dormir e acordar todos os dias, de forma que supra sua necessidade. Embora a média recomendada seja de oito horas de sono, é bom lembrar que cada corpo funciona de um jeito e tem necessidades específica, portanto entenda o seu e respeite seus limites!

Que tal dormir ouvindo uma musiquinha? Está comprovado que ouvir canções relaxantes enquanto dorme também traz muitos benefícios. Você pode ainda apostar em coisas que relaxam, como essências perfumadas.

Para dormir bem de verdade, a gente não pode se esquecer de um item que é fundamental: o colchão. Quantas vezes você já acordou todo quebrado porque dormiu em uma cama diferente ou porque seu colchão não estava adequado para as suas necessidades? Encontrar o colchão ideal para você é fundamental para passar a noite dormindo e acordar, de fato, revigorado, sem a necessidade de ultrapassar as horas de sono em função do cansaço.

Viu como é importante entender o problema que é dormir demais? Mais do que isso, buscar as soluções adequadas é relevante para garantir uma noite tranquila e um dia cheio de energia. Isso tudo, claro, sem se esquecer de escolher o melhor colchão para o seu caso.

Agora que você já terminou este conteúdo, que tal ficar por dentro de mais artigos como este? Para isso, acompanhe a gente nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram e Twitter.

Colchões AmericanflexPowered by Rock Convert

Sem Comentários

Responder