Nunca mais eu vou dormir: não leve essa música tão a sério - Blog Colchões Americanflex

犀利士是一種非常好用的壯陽藥,購買認準官網,起效快,效果時間長,副作用極小。。我推薦 犀利士,國際知名品牌,安全有保證,可以獲得更好的硬度。

Dicas

Nunca mais eu vou dormir: não leve essa música tão a sério

  • 12 de fevereiro de 2018
Nunca mais eu vou dormir - não leve tão a sério

“Nunca mais eu vou dormir, nunca mais eu vou dormir”.

É com essa frase que se inicia a música Michael Douglas, do cantor João Brasil. O hit, considerado o maior sucesso da carreira do artista, tomou conta das festas pelo Brasil.

Se você quer ter qualidade de vida, contudo, nada de levar a canção a sério, ok? Além de Michael Douglas ser referência à metilenodioximetanfetamina — também conhecida como pílula do amor e MD —, o hit exalta a privação do sono, extremamente prejudicial à saúde.

Portanto, aproveite a canção para dançar e se divertir com os amigos, mas chegando em casa, invista em uma boa noite de descanso, combinado? Aproveitando o tema, confira a seguir algumas consequências de “nunca dormir” ou de ter um sono de má qualidade.

Promoção desconto 10%

Diminui a concentração e dificulta a aprendizagem

Você sente dificuldades em se concentrar? Então pode ser que você esteja levando a canção um pouco a sério demais. Segundo especialistas, a privação do sono diminui a atenção, o estado de alerta, o raciocínio e a concentração.

Além disso, é durante o descanso noturno que o nosso cérebro “guarda” as informações que aprendemos de dia. Uma má noite de sono, portanto, faz com que você não seja capaz de lembrar aquilo que estudou.

Isso sem contar que a falta de concentração pode causar acidentes. De acordo com Associação Brasileira de Medicina e Tráfego (ABRAMET), o sono e o cansaço são as principais causas (60%) de colisões e outros incidentes de trânsito.

Atrapalha a produtividade

Quem nunca acordou com aquela sensação de que um caminhão passou por cima do corpo? Quando isso acontece, sair para trabalhar — e realizar tarefas cotidianas — pode ser um grande desafio.

Há inúmeras razões para isso. A primeira delas refere-se às perdas cognitivas descritas no tópico anterior. Além delas, um estudo feito pela Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, comprovou que o nosso cérebro remove proteínas tóxicas quando estamos dormindo.

O problema é que, quando não descansamos o suficiente, essas substâncias nocivas continuam no organismo. Em excesso, elas prejudicam a nossa capacidade de pensar. A pior notícia é que, nesse caso, o bom e velho cafezinho não adianta nada.

Propicia uma má alimentação

Você sabia que a privação de sono está vinculada ao aumento de peso? Pois é, se você quer ficar em dia com a balança, é preciso dar ao sono a mesma importância que você dá aos exercícios físicos.

Isso ocorre porque, quando dormimos mal, temos tendência a consumir alimentos pouco saudáveis, principalmente aqueles com excesso de sal, açúcar e gordura.

Afeta a saúde mental

É comprovado que a privação do sono afeta a saúde mental de diversas maneiras. Uma pesquisa feita pela Universidade de Oxford comprovou, inclusive, que apenas três noites mal dormidas já aumentam os índices de ansiedade, depressão e estresse nas pessoas.

Se você acredita que dormir bem é sinônimo de dormir muito, saiba que está muito enganado. Aqui, o mais importante é a qualidade, e não a quantidade.

Se você acorda cansado, com aquela sensação de que um caminhão passou em cima do seu corpo, talvez esteja na hora de observar se o seu colchão ou o seu travesseiro é adequado. Além disso, é preciso analisar se alguns hábitos — ver filmes de terror ou ficar no celular antes de dormir, por exemplo — estão atrapalhando a qualidade do seu sono.

Como vimos, o ideal é que a frase “nunca mais eu vou dormir” fique apenas no ramo artístico. Na vida real, é preciso dormir sim — e dormir com qualidade!

Se você tem problemas ir para a cama cedo, confira 6 dicas infalíveis que vão ajudar você a combater a insônia!

Colchões Americanflex

Sem Comentários

Responder