Dicas

O que é narcolepsia? Saiba mais sobre esse distúrbio do sono!

  • 29 de março de 2019
Narcolepsia

Há vários tipos de distúrbios do sono. Em alguns casos, o paciente simplesmente não consegue pregar os olhos; em outros, o sono é bastante intenso e o indivíduo se torna capaz de dormir em praticamente qualquer lugar. Apesar de serem comuns, é normal surgirem dúvidas sobre esses problemas. Por exemplo, você sabe o que é narcolepsia?

Esse é um dos distúrbios mais comentados e também um dos que fazem com que mais dúvidas surjam na mente da população em geral. Por isso, é necessário falar abertamente sobre a questão a fim de nos informarmos sobre os tratamentos disponíveis para o problema.

Pensando nisso, preparamos este artigo para responder às principais dúvidas sobre o assunto com o objetivo de facilitar a busca por um bom tratamento. Vamos lá? Boa leitura!

Promoção desconto 10%

O que é narcolepsia?

Como mencionado no início de nossa conversa, a narcolepsia é um distúrbio do sono caracterizado principalmente pela sonolência excessiva, além de outros sintomas bem característicos.

Esse problema é causado pela deficiência na produção da hipocretina, uma proteína fundamental para a manutenção do estado de alerta nos seres humanos durante o dia, além de outros fatores genéticos que contribuem para o sono excessivo.

Há também alterações importantes no padrão de sono REM (o mais profundo de todos) e na ação de neurotransmissores cerebrais na hora de dormir. Outras causas ainda estão sendo estudadas e testadas cientificamente.

Quais são os sintomas mais comuns?

Agora, falaremos sobre alguns dos sintomas mais comuns entre os pacientes narcolépticos. Confira:

  • sono excessivo durante o dia;
  • pegar no sono repentinamente, mesmo enquanto realiza outras tarefas;
  • cataplexia (fraqueza muscular);
  • alucinações e confusão mental;
  • paralisia do sono;
  • dificuldade para dormir à noite.

Esses sintomas são responsáveis por uma queda na qualidade de vida dos pacientes que sofrem com o problema. Por isso, a ajuda médica é fundamental. O diagnóstico é feito por meio da realização de exames específicos, entre eles o teste de latências múltiplas e a polissonografia. Outros procedimentos também podem ser solicitados pelo especialista responsável pelo caso.

Como é o tratamento desse problema?

Apesar de não contar com uma cura (as pesquisas sobre o tema estão avançando, mas ainda distantes de oferecer respostas concretas), a narcolepsia é um problema que pode ser controlado. Com o tratamento adequado, o paciente pode levar uma vida completamente normal e com muita qualidade.

Os procedimentos terapêuticos mais comuns para lidar com essa situação incluem, primeiramente, a utilização de medicamentos para tratar a cataplexia e reduzir o sono exagerado ao longo do dia. Mudanças de hábitos, como a programação para pequenos cochilos durante o dia, também são sempre recomendadas, bem como evitar o consumo de bebidas alcoólicas

Agora que você já sabe o que é narcolepsia e conhece as suas principais características, não deixe de ficar atento ao surgimento de possíveis sintomas. Com essa atenção, é possível ter um tratamento muito mais adequado e realmente eficaz.

Para que outras pessoas também saibam o que é a narcolepsia e aprendam a identificar esse distúrbio do sono, compartilhe este artigo em suas redes sociais e espalhe a notícia!

Colchões Americanflex

1 Comentário

  • Lindalva

    Boa noite, em junho faz 3 anos que convivo com todos os sintomas da narcolepcia e cataplexia, confesso que é ruim demais, já passei por uns 5 neurologista que não me deram nenhum diaguinostico, estou na fila de espera do SUS mais não chamam, preciso muito de um tratamento,preciso conseguir tratar no Instituto do Sono,hoje passei até com uma psiquiátrica, mais o que preciso mesmo é de um tratamento

    Reply

Responder